Hold up. Hold on. Don't be scared, you'll never change what's been and gone. May your smile shine on. Don't be scared, your destiny may keep you warm.
Um motivo bom pra parar essa dor e tentar ser feliz: VOCÊ

Porra. Mais uma vez, não suporto ficar sozinha, não suporto me sentir assim tão sozinha e ter de única companhia uma lâmina ou uma tesoura. Sinto falta de ter alguém, de ter algo, de mudar e ter motivos. Eu queria parar, parar com tudo, parar de sentir. Poderia fazer parar de doer tanto, ser capaz de mostrar a todos que posso ser melhor que agora. Engraçado como a cada corte eu me supero, todas as vezes está doendo mais e mais, já não suporto carregar tanta dor dentro de mim, tanta angústia reprimida, até parece clichê mais aqui é o meu refugio.

Relatos.

Acho que ficou meio desgastante isso tudo, a vida, as pessoas com más intenções sobre nós. Esta cansativo de uma certa forma, não encontro motivos para parar de chorar, não sei o que dá em mim, simplesmente, não entendo. Como uma pessoa pode chorar tantas vezes e no outro dia ainda sim continuar? Isso me perturba, eu não sei lidar.”
Garotinho: Você é um anjo?
Eu: O que?
Garotinho: Minha mãe me disse que aqueles que têm os pulsos marcados são anjos.
Eu: Eu não sou um anjo.
Garotinho: É claro que você é. Mamãe disse que só os anjos se cortam, porque eles não gostam de vida na Terra. Eles tentam se matar para retornar ao paraíso. Eles são muito sensíveis à dor do outro e deles mesmo.
Eu: Você sabe, sua mãe é muito sábia.
Garotinho: Obrigado. Ela também é um anjo, mas já voltou para casa.